ORDINÁRIO – RAFAEL SICA

ORDINÁRIO

Rafael Sica

Um dos maiores expoentes da nova geração de quadrinistas brasileiros,

Rafael Sica retrata o cotidiano absurdo da vida na metrópole,

misturando horror, solidão, tristeza e humor nesta coletânea de tiras

em preto e branco e sem palavras da sua série Ordinário

Ordinário é uma coletânea da série de tiras de mesmo nome, publicada por Rafael Sica em seu blog desde 2009. Essas tiras, em preto e branco e sem falas, retratam a vida na metrópole, marcada por sentimentos intensos como solidão, tristeza, medo e horror, sempre com um humor ácido e um toque de surrealismo. Nesse universo bastante particular — e facilmente reconhecível — criado por Sica, questiona-se a vida urbana e o comportamento do homem contemporâneo de um modo quase tragicômico. O resultado seria algo próximo de Macanudo, se fosse escrito por alguém como Tim Burton.

Rafael Sica teve seu trabalho publicado em revistas como Piauí e +Soma, no caderno Folhateen da Folha de S.Paulo e no fanzine Tarja Preta. Vencedor de dois prêmios hq Mix (Desenhista Revelação e Web Quadrinhos), é considerado um dos mais influentes quadrinistas brasileiros da nova geração. A exposição “Cinza-
-Choque”, apresentada no Museu do Trabalho em Porto Alegre em 2009, contou com treze desenhos inéditos seus, feitos a lápis, e foi um reconhecimento ao valor da obra do jovem quadrinista gaúcho.

Rafael Sica nasceu em 1979, em Pelotas, no Rio Grande do Sul. Suas tiras já saíram em grandes veículos de imprensa. Atualmente, publica a série Ordinário em seu blog e faz parte do grupo Bestiário, responsável pela revista Picabu. Para acompanhar seu trabalho, acesse <www.rafaelsica.zip.net>.

História em quadrinhos

128 pp. (estimadas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: