As Cidades Utópicas e Distópicas das HQs

  • Dias 9 e 11 de abril
  • Horário: 19h30
  • Local: Atec Cultural. Av Brig Faria Lima 1800 – 10º andar
  • Entrada Gratuita. Inscrições pelo telefone: 11 3034 1800
  • Link – Blog Atec Cultural

O tema das palestras de Enio Passiani será “Representações da cidade nas Histórias em Quadrinhos – Utopias e distopias”.

Passiani vai mostrar que a história em quadrinhos costuma apresentar a cidade como um lugar de abrigo, paz e tranquilidade ou de violência, loucura e solidão. E que em muitas histórias, ela interage com o herói e às vezes a própria cidade torna-se um personagem importante.

As representações utópicas e distópicas de cidades têm uma longa história e tradição. Desde a Grécia antiga, na Idade Média e principalmente ao longo do século XII. O aprofundamento da industrialização e da urbanização no XIX, processos tributários do século anterior, criam novas representações da cidade: o paraíso possível a partir do desenvolvimento técnico e, ao mesmo tempo, o lugar da miséria, da solidão, do crime e do mistério. Se, de um lado, as histórias em quadrinhos apenas retomam antigas concepções utópicas e distópicas da cidade, por outro, oferecem representações visuais até então não imaginadas.

Um comentário em “As Cidades Utópicas e Distópicas das HQs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: