Lançamento de Ditadura no Ar 03 na Comix!

Está chegando na Comix Ditadura No Ar #3 – “Eu Quero Botar Meu Bloco na Rua”, penúltima parte da minissérie em quadrinhos escrita por Raphael Fernandes (MAD, Ida e Volta, Imaginários em Quadrinhos, Apagão) e com desenhos de Rafael “Abel” Vasconcellos (Coleção Shakespeare – Macbeth, A3, Cecille Veronika, Almanaque Gótico).

Ditadura No Ar é uma HQ nacional ambientada em um dos períodos mais conturbados da história brasileira: a Ditadura Militar. A trama mostra as investigações do repórter fotográfico Félix Panta para encontrar sua namorada Nina, uma estudante comunista que foi presa pelo DEOPS durante um protesto.

DNA 3 - CapaNeste terceiro número, conheceremos melhor Anselma, amiga de Nina, e teremos mais detalhes sobre o que houve com as meninas no fatídico dia do protesto. Política, amizade, família e lealdade são alguns dos conflitos abordados na HQ, em uma história que nos faz refletir até aonde podemos ir por aquilo que acreditamos.

Com as duas primeiras edições esgotadas e a caminho da reimpressão, “Ditadura no Ar”, rendeu a Raphael Fernandes o prêmio de Roteirista Novo Talento no Troféu HQMix de 2013, considerado o Oscar do quadrinho nacional. O desenhista Abel foi indicado como Desenhista Novo Talento e a obra foi indicada na categoria Publicação Independente.

E no dia 3 de agosto os autores estarão presentes em uma tarde de autógrafos na Comix Book Shoop (Al. Jaú, 1998, São Paulo – SP. Próximo ao metrô Consolação). O evento vai ocorrer das 12h às 16h e depois a dupla vai direto para a entrega do Troféu HQMix, no Sesc Pompeia.

Informações adicionais:

Inicialmente publicada em formato de tiras semanais no site Contraversão, a HQ migrou para o formato revista e já teve dois volumes publicados. No primeiro, “Sinuca de Bico”, conhecemos Félix, Nina e acompanhamos sua frustrada tentativa de investigação do policial Silveirinha, manda-chuva no DEOPS e responsável pelo sumiço da garota.

“Covil Vermelho” é o volume seguinte e nele vemos Félix e o repórter novato Paulo Francisco em fazendo uma reportagem com o militante comunista Samarca, que pode ter pistas sobre o paradeiro de Nina. Mas novamente os acontecimentos tomam rumos inesperados e desagradáveos.

A obra foi fortemente influenciada por “Agente Secreto X-9?, “Sin City”, “100 Balas”, cinema noir, fumetti, Clint Eastwood e Quentin Tarantino, e sua narrativa foi construída para simular as tiras clássicas de aventura, gerando uma tensão cativante, mas sem revelar o desfecho da cena, deixando o leitor ansioso para ler a próxima edição.

DNA3 - Convite

DNA 3 - Quadro1

DNA 3 - Quadro2

DNA 3 - Quadro3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: