Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Voltar para o topo

Topo

impulso hq

[Resenha] Limiar: Dark Matter

07/27/2016 |

Publicada originalmente no blog parceiro Impulso HQ


“Acho tudo muito infantil. Em contrapartida, acredito que ele exprime uma busca de nossos desejos mais profundos…”, Moebius sobre as histórias em quadrinhos.

Impressionante como os quadrinhos de Luciano Salles conseguem nos atingir de maneira tão profunda e tão impactante. É impactante visualmente, é impactante conceitualmente. Como um me disse um amigo um dia desses “como é bom se perder nos labirintos das HQs do Luciano”. Leia Mais

A História de O / Resenha

05/10/2014 |

Por Floreal Andrade, do sute parceiro Impulso HQ.

Nas minhas idas semanais ao cinema nos anos 1970 assisti “Lipstick”(A Violentada) e o que chamava a atenção no filme eram as atrizes Mariel e Margoux Hemingway, netas do escritor Ernest Hemingway.

No filme elas fazem o papel de duas irmãs, uma é modelo e a outra estudante. Leia Mais

Vizinhos, de Laerte / Resenha

05/09/2014 |

Por Floreal Andrade, do site parceiro Impulso HQ.

Em Vizinhos, a mais recente produção em HQs do cartunista Laerte, em apenas 224 quadros, somos apresentados a história de um solitário morador de um bairro de classe média qualquer e um garoto que toma conta dos carros em frente do seu prédio. Leia Mais

Imperdoável / Resenha

05/08/2014 | 1

Por Floreal Andrade, do site parceiro Impulso HQ.

Lá pelos anos sessenta e setenta era comum histórias do Super-homem em que o homem de aço enfrentava alguns sérios problemas, como dupla personalidade, alterações físicas, etc e tal. E essas histórias de “realidade paralela” com o homem mais super do mundo fizeram e fazem sucesso até hoje. Leia Mais

Mas podemos continuar amigos / Resenha

04/25/2014 |

Por Floreal Andrade, do site parceiro Impulso HQ.

Nos anos 60 meu irmão colecionava gibis e qunado herdei a coleção dele descobri que havia um exemplar de “Fix e Fox” de Rolf Kauka. Em 1985 achei num sebo uma edição de “Vater Und Sohn” (Pai e Filho) de E. O. Plauen (editado nos anos 50, o autor foi fuzilado pela Gestapo em 1944). Para terminar, o amigo Gualberto Leia Mais